Total de visualizações de página

terça-feira, 20 de agosto de 2013

IV CICLO DE PALESTRAS DE ENGENHARIA AMBIENTAL

Frente do Folder
Por NTV
P R O G R A M A Ç Ã O

Seção 1 – Palestras
Dia 26 de agosto de 2013 (segunda feira)
Local: Anfiteatro da Biblioteca da UNIUBE
Horário: das 19:00 horas às 22h: 30 min.

19 às 20:00
"O uso de indicadores de integridade biótica como ferramenta para a gestão de recursos hídricos em Minas Gerais"

Palestrante 1: Prof. Dr. Paulo dos Santos Pompeu.
Graduado em Ciências Biológicas - 1995 (Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG). Mestrado em Ecologia, Conservação e Manejo de Vida Silvestre - 1997 (Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG). Doutorado em Hidráulica e Recursos Hídricos - 2005 (Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG). É professor da Universidade Federal de Lavras (UFLA), coordenando a Pós-Graduação em Ecologia Aplicada desta instituição. Sua linha de pesquisa é Ecologia e Conservação de Peixes Neotropicais.

Palestrante 2: Prof. MSc. Carlos Bernardo Mascarenhas Alves.
Biólogo, Mestre em Ecologia, Conservação e Manejo de Vida Silvestre (UFMG), Consultor na área de ictiofauna, Coordenador do Subprojeto S.O.S. Rio das Velhas (Projeto Manuelzão - UFMG), Biólogo do Nuvelhas (Núcleo Transdisciplinar e Transinstitucional de Revitalização da Bacia do Rio das Velhas).

20 às 20:40

"A pesquisa e a prática de “peixamento” do Rio Grande a partir das experiências de Volta Grande".
Palestrante: Profª. MSc. Alessandra Gomes Bedore.
Graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Uberlândia (1995), mestrado em Biologia Celular pela Universidade Federal de Minas Gerais (1999), especialização em Gestão e Direito Ambiental pela UNIUBE. Bióloga pesquisadora na Estação Ambiental da UHE/Volta Grande.


20:40 às 22:20
“O Geoprocessamento com ferramenta de estudos e análises ambientais”.
Palestrante: Prof. Dr. Leonardo Campos de Assis.

Mestrado e doutorado em Engenharia Civil/Informações Espaciais na linha de pesquisa Geoprocessamento com ênfase em Sensoriamento Remoto pela Universidade Federal de Viçosa. Bacharel em Sistemas de Informação pela Universidade de Uberaba com experiência na área de Geociências e Hidrologia atuando principalmente nas seguintes linhas de pesquisa: Sensoriamento Remoto, Análises Espaciais em Sistemas de Informações Geográficas e Simulação de Processos Hidrológicos. Professor do curso de Engenharia Ambiental da Universidade de Uberaba (UNIUBE).



Seção 2 – Oficina e Relatos de pesquisas
Dia 27 de agosto de 2013 (terça feira feira)
Local: Anfiteatro da Biblioteca da UNIUBE
Horário: das 19:00 horas às 22h: 30 min.



14 às 16:30
Oficina: “Sistemas e processos de monitoramento de água campo/cidade/indústria”
Local: sala 2Z107
Responsáveis:
Engenheira Ambiental Juliana de Fátima Silva
Bacharel em Engenharia Ambiental pela Universidade de Uberaba – UNIUBE. Experiência na docência em Educação Ambiental. Experiência na área de produção de espécies nativas do Cerrado e na área de pesquisa com Recursos Hídricos, especificamente na área de monitoramento hídrico.
Engenheiro Ambiental Aires Humberto de Oliveira.
Bacharel Em Engenharia Ambiental pela Universidade de Uberaba (UNIUBE). Atualmente é OPI - Vale Fertilizantes - SA. Tem experiência na área de Engenharia Ambiental, com ênfase em Recursos Hídricos.

19 às 22:30
Apresentação de relatos de pesquisas na área da UHE/Volta Grande/CEMIG,  com os seguintes trabalhos:

*        “Metodologias de avaliação de habitats e suas relações com qualidade de água e biodiversidade bentônica: rede de pesquisas e abordagens de trabalho.” (UFMG)

*        “Aspectos geográficos associados à avaliação ambiental no entorno do reservatório de Volta Grande”. (UFMG)

*        “Aspectos sedimentológicos dos cursos d'água afluentes ao reservatório de Volta Grande”. (CEFET/MG)

*        “Estrutura e composição da comunidade de macroinvertebrados bentônicos em riachos da bacia de Volta Grande”. (UFMG)

*        “Avaliação da condição ecológica dos riachos de cabeceira da região de Volta Grande utilizando macroinvertebrados bentônicos como bioindicadores”. (UFMG)

*        “Diversidade de Ephemeroptera (Insecta) bioindicadores de qualidade de água em riachos tributários do reservatório de Volta Grande”. (UFMG)

*        “Peixes de riachos da região de Volta Grande como indicadores ambientais”. (UFLA)

*        “Macroinvertebrados bentônicos como bioindicadores na avaliação da qualidade ambiental no reservatório de Volta Grande”. (UFMG)

*        “Assembleia de peixes do reservatório de Volta Grande: Composição específica,  estrutura da comunidade e espécies exóticas”. (PUC/MG)

*        “Dieta da ictiofauna do reservatório de Volta Grande”. (PUC/MG)


Apresentações de Banners:

*        Macroinvertebrados bentônicos em riachos em condições de referência na bacia do reservatório de Volta Grande. (UFMG)

*        Fotodocumentação científica: macroinvertebrados bentônicos bioindicadores de qualidade de água nos riachos tributários do reservatório de Volta Grande. (UFMG)


Exposições

*        Exposição itinerante de macroinvertebrados e peixes. (UFMG/UFLA)


IV CICLO DE PALESTRAS DE ENGENHARIA AMBIENTAL: Recursos hídricos e uso sustentável do solo

Convite frente
Por NTV
Apresentação:

É com orgulho que o curso de Engenharia Ambiental da Universidade de Uberaba (UNIUBE) convida os alunos do campo da Engenharia Ambiental e áreas afins, bem como a comunidade científica e a todos os interessados nas temáticas socioambientais, a participarem da 4ª (quarta) versão anual de seu ciclo de palestras sobre as temáticas mais relevantes desta vasta e complexa área de pesquisa e estudos científicos. Neste quarto Ciclo de Palestras, o tema central é Recursos Hídricos e Uso Sustentável dos Solos. O evento é dividido em duas seções e faz parte de um projeto maior de uma importante parceria, em andamento, entre UNIUBE/Eng. Ambiental e as Centrais Energéticas de Minas Gerais (CEMIG).

Estão envolvidos na organização deste relevante evento entidades, instituições, professores e profissionais especializados e/ou envolvidos em trabalhos e pesquisas na área. Dentre as instituições envolvidas neste evento estão Universidade de Uberaba (UNIUBE), Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Universidade Federal de Lavras (UFLA), Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC/Minas), Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (CEFET/MG), além de instituições internacionais tais como Oregon State University (EUA), US Environmental Protection Agency (EUA) e FUNDEP.

O evento será realizado nos dias 26 e 27 de agosto no anfiteatro da biblioteca da Universidade de Uberaba – UNIUBE/Campus aeroporto. 
Convite verso

quinta-feira, 8 de agosto de 2013

Prof. Dr. Valter Machado da Fonseca é convidado para mesa-redonda na UFG/Catalão

Foto: Prof. Dr. Valter Machado da Fonseca                                                Fonte: Arquivo Pessoal Prof. Valter (2013)
Por NTV
O professor doutor Valter Machado da Fonseca, docente dos cursos de Engenharias Ambiental e Civil da Universidade de Uberaba é convidado especial para participar da Mesa-redonda “A natureza destrutiva do capital e a biodiversidade”, no âmbito do IV SIMPÓSIO DO NÚCLEO DE PESQUISA GEOGRAFIA, TRABALHO E MOVIMENTOS SOCIAIS (GETeM/UFG), que será realizado de 13 a 15 de agosto de 2013, em Catalão (GO). O evento é uma realização do curso de Geografia da Universidade Federal de Goiás, Campus Catalão (UFG/CAC). Além do professor Valter Fonseca (Uniube), também comporão a mesa os professores doutores Calaça (IESA/UFG) e Gilmar Avelar (UFG/CAC).
Segundo o professor Valter, trata-se de um evento muito importante, pois, além de ser um simpósio nacional com mais de 1000 inscritos, serão discutidos temas altamente relevantes como as dificuldades, contradições e conflitos embutidos no conceito de sustentabilidade, por intermédio da observação dos aspectos e fatores intrínsecos a tal conceito com a realidade do desequilíbrio socioambiental que marcam o atual estágio de conservação/degradação dos principais ecossistemas brasileiros e mundiais. Enfim, o evento fará uma comparação crítica entre as demandas socioeconômicas do capitalismo com a necessidade urgente de mitigação das ações antropogênicas sobre os recursos da natureza e a minimização dos impactos socioambientais mundiais sobre os referidos biomas.  

Descoberto recentemente, planeta rosa tem tamanho similar a Júpiter

Novo exoplaneta GJ 504b (Foto: AFP/Nasa)
Por NTV
A NASA, agência espacial americana, divulgou, nesta quarta-feira (7), uma ilustração que mostra o exoplaneta (planeta fora do Sistema Solar) GJ 504b, descoberto recentemente, de cor rosa. Ele fica a 57 anos-luz da Terra e orbita uma estrela não muito diferente do nosso Sol. O GJ 504 tem o tamanho aproximado de Júpiter, mas massa quatro vezes maior, por ser mais denso. Sua idade é de cerca de 160 milhões de anos, estima a NASA.